Johnny Cash – Hurt

Após uma manhã tumultuada e uma tarde nem tanto, finalmente consegui colocar meus fones e ouvir música enquanto faço as minhas coisas. Nem sempre isso é possível e hoje parecia que não ia dar.

Tocou desde Jason Mraz até Jimmy Buffet. Porém, quando o shuffle me brindou com Hurt, na versão do Johnny Cash, comecei a pensar sobre uma série de coisas.

Refleti sobre como ele decidiu incluir essa música no repertório do seu último disco. Pensei sobre o momento dele, já no fim da vida, cantando sobre redenção, orgulho, arrependimento e dizendo que “todos que ele conhece vão embora no fim”. Ah, sem falar na voz já desgastada e em tom pesaroso.

Tem uma parte dessa canção que existe a pergunta “O que eu me tornei?”, seguido pela retórica “Meu melhor amigo”. Ta aí algo que eu nunca havia me questionado. Talvez eu seja muito jovem para ter uma dúvida dessa e espero nunca me arrepender se respondê-la.

Agora, essa música fala sobre perdão e ódio também. Eu poderia fazer aqui milhares de perguntas do tipo “será que somos capazes de entender e perdoar as pessoas?” e baboseiras do gênero. Mas prefiro que vocês escutem a música e façam as suas reflexões.

Hurt – Johnny Cash

 

I hurt myself today

To see if I still feel

I focus on the pain

The only thing that’s real

 

The needle tears a hole

The old familiar sting

Try to kill it all away

But I remember everything

 

What have I become?

My sweetest friend

Everyone I know goes away

In the end

 

And you could have it all

My empire of dirt

 

I will let you down

I will make you hurt..

 

I wear this crown of thorns

Upon my liar’s chair

Full of broken thoughts

I cannot repair

 

Beneath the stains of time

The feelings disappear

You are someone else

I am still right here

 

 

What have I become?

My sweetest friend

Everyone I know goes away

In the end

 

And you could have it all

My empire of dirt

I will let you down

I will make you hurt

If I could start again

A million miles away

I would keep myself

I would find a way

3 Respostas to “Johnny Cash – Hurt”

  1. Gustavo Says:

    Acho que devemos sempre perdoar as pessoas, ou pelo menos tentar! Escutar o que tem a nos dizer, pois pré julgamento é simples e rápido…
    mas escutar tudo, processar todas as informações… e ai sim resolver!

    Concordo com “Talvez eu seja muito jovem para ter uma dúvida dessa e espero nunca me arrepender se respondê-la”. Mas as vezes so achamos que somos muito jovem, as vezes ja estamos velhos depois…

    Saiba que tem amigos e que disso tu nunca vai se arrepender!

  2. Kelly Maia Says:

    A primeira vez que ouvi essa música, senti um arrepio, sabe?
    Não sei se pela voz trêmula e desgastada ou se pelo peso que essas palavras chegavam até mim.
    Hoje, escuto quase todos os dias… Ela já me parece mais real. Ela nada mais é do que a tristeza que todos carregamos dentro de si, mas que não é permanente. Essa música diz muito de nós, pessoas (ódio, amor, dor)
    Eu amo a sinceridade com que ele canta.

  3. Fiquei encantada com o que escreveu, tão eu.
    Achei por um acaso e não tive como fugir da emoção que senti.
    Engraçado.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: