O Iguana em Sampa

Amanhã, vou realizar um antigo sonho de adolescente: assistir a um show do Iggy Pop. Junto com Ramones e Johnny Cash, o “Iguana” (como é conhecido) faz parte das minhas principais influências musicais.

Sempre gostei do estilo inquieto dele no palco. Iggy parece uma lagartixa com câimbra, se move o tempo inteiro, se contorce, se atira na platéia e ainda canta. E corre de um lado para o outro.

Serei um dos visitantes do Planeta Terra, evento que trouxe o Iguana para o Brasil como principal atração. Justo. Porém, não há justificativa para colocar, no mesmo horário, os shows do Iggy Pop e do The Thing Things. Isso é um absurdo. Organização do evento… shame on you!

James Ostenberg (o nome verdadeiro do Iggy) já está no Brasil desde quarta-feira, fez um ensaio secreto ontem e fará outro hoje. Segundo informações, promete um show inesquecível.

Recentemente, lançou um disco chamado “Preliminaires”, com canções em inglês e francês. Muito jazz com pitadas de rock and roll. Destaque para Les Feuilles Mortes, canção francesa de 1945, e a insana I Wanna Go To The Beach.

O repertório é um mistério. Acredito que será um misto de clássicos e músicas recentes. Para que o leitor tenha idéia, postei dois vídeos, a começar pela canção que abre o novo cd.

E na sequencia, vem um clássico: a versão de Iggy Pop para Louie, Louie.

Na volta, conto os detalhes. Hasta La vista.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: